Sexta-feira, 7 de Março de 2008

O poder do Amor...


O Amor inspira... Livros, músicas, obras de arte, grandes acontecimentos e até mesmo o curso da história está ligado ao Amor. O Amor liga a humanidade!

O Amor tem muitas definições, no dicionário situa-se mais ou menos entre o 'gostar' e a 'luxúria', e talvez seja aí que deve estar.

Para entender o que é o Amor, se calhar deviamos olhar antes para aquilo que o Amor não é. Não é ódio, não é violência, competição ou ambição. Não é apenas a conquista que no fundo se torna em desilusão.

Muitas mulheres casam com um homem porque ele é belo, depois acham que ele só se preocupa com o aspecto. Outras por ser muito inteligente, e depois sentem-se estúpidas e acusam-no de saber tudo. Há aquelas que se casam por ele ser estável e sensível, depois acham-no parado e aborrecido. Outras ainda porque ele é sexy, depois queixam-se que ele é sexualmente atraente para outras mulheres. E mais exemplos haveria. Estes exemplos, não são Amor... Os mesmos exemplos poderiam ser usados para os homens.

Amor não é sexo. Podemos ter sexo sem Amor, e Amor sem sexo. Mas quando os dois se combinam, o resultado é uma experiência linda e espiritual não igualada por mais nada.

O que é então o Amor? O Amor é a atraente, unificante, harmonizante Força do Universo.

O Amor é o desejo de suportar a outra pessoa para ser tudo aquilo que ela pode ser. É ajudá-la a crescer emocionalmente, mentalmente e espiritualmente. Acima de tudo, Amor é permitir à outra pessoa, a completa liberdade para ser ela própria e aceitá-la sem tentar mudá-la.

O problema de muitas relações é que o Amor é apenas de um dos lados. De forma a que uma relação seja equilibrada, uma pessoa deve dar, mas também esperar receber. O impulso de continuar a dar sem receber, ou receber sem esperar dar, não suporta o Amor verdadeiro.
Amar, significa Amar. Ponto final! Não implica condições como "Vou Amar-te se...", "Vou Amar-te enquanto..." ou "Vou Amar-te quando...". Amor que implique condições, nada mais é do que chantagem emocional.

Devemos numa relação preservar o Amor. É uma promessa vã dizer "Vou Amar-te para sempre...". É muito bonito ouvir alguém declarar que nos vai Amar para sempre, mas se pensarmos nisso por um momento, não podemos esperar que alguém nos Ame para sempre, o Amor é uma experiência momento-a-momento. O Amor de ontem foi gasto, o de amanhã ainda não chegou, e o Amor de hoje deve ser merecido.
A verdade é que o Amor irá continuar enquanto as pessoas concretizem a necessidade de contribuir para a relação. O Amor deve continuar para que uma relação se mantenha. Não é um contrato legal que o irá fazer.

Para se preservar o Amor, um parceiro não deve tentar mudar o outro. Isto acontece muitas vezes, e é a maior razão para separações e divórcios.

Amor, romance e excitação são possíveis quando permitimos ao nosso parceiro que se expresse individualmente. Quando uma relação não se baseia em irracionais deveres e expectativas, ela cresce mais forte. Quanto mais independente uma pessoa se sente, mais valor dá ao seu parceiro. O verdadeiro Amor depende de liberdade verdadeira. Só aqueles que são livres podem Amar sem limites.

O tempo passado juntos deve ser empregue em assuntos do Amor e partilha de coisas que ambos gostem. Isto vai eliminar o aborrecimento e manter a relação viva. Vital, mesmo assim, é o desenvolvimento de uma personalidade romântica. Sem romance, a vida de uma pessoa não tem magnetismo, portanto, é necessário cultivar isso. Um personalidade romântica vai aumentar o magnetismo e permitir que se atraia as pessoas, eventos e circunstâncias que desejamos. Todos nós precisamos de romance nas nossas vidas e agradecemos aqueles que estimulam e o encorajam.

Emmet Fox disse-o tão bem quando referiu, “Sufficient realization of love will overcome anything. There is no difficulty that love cannot conquer, no disease it will not heal, no door it will not open, no guilt it will not bridge, no wall it will not tear down, no sin it will not redeem. Love will lift you to the highest dimension.

Extracto e tradução de "Ultimate Secrets of Total Self Confidence".
Nuno Ferreira
Publicado por: Nuno_Ferreira às 10:52

Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos -> :)
|

.Mais sobre mim:

.Pesquisar neste blog:

 

.Setembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Posts recentes:

. Michael Buble - "Haven't ...

. 2ºs Jogos da Lusofonia - ...

. "Grande Homem..."

. O Valor das Pessoas...

. "A vida é uma corrida con...

. O Corpo Feminino...

. Sorrir ou não sorrir, eis...

. GOSTO DE...

. METADE...

. Shayne Ward - No Promises

.Arquivos:

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds